Longroiva – História, tradição e um hotel único

por 2serependiters
0 Comentário

Portugal é um país de tradições fortes e de gente que sabe receber. Todos nós repetimos isto várias vezes, muitas vezes sem ter realmente vivenciado esta hospitalidade ou sem conhecer na realidade os recantos do nosso país. Como acreditamos que Portugal não se esgota  nas grandes cidades ou nos destinos mais famosos , quisemos ir conhecer o interior profundo do país, mas acima de tudo, procurávamos um local calmo, que não se tivesse erodido com massas turísticas e onde fosse possível absorver a verdadeira essência de ser português. Optámos pela aldeia de Longroiva, no distrito da Guarda.

Não foi fácil escolher o local onde ficar, acima de tudo porque existiam imensas opções fantásticas, mas no fim, ficámos muito satisfeitos com a nossa escolha. Para ficarmos alojados optámos por aquela que foi uma das nossas melhores surpresas dos últimos tempos a nível nacional. Neste artigo vamos então mostrar porque escolhemos Longroiva e retratar a diversidade e autenticidade da experiência no Longroiva Hotel Rural & Termal Spa.

Aldeia de Longroiva

A aldeia de Longroiva é provavelmente desconhecida da maioria dos nossos leitores e era também desconhecida para nós. Esta freguesia do concelho de Meda fica a 3 horas e meia de distância de Lisboa e a 45 minutos da capital de distrito, a cidade da Guarda. No topo de um monte situa-se o aglomerado com pouco mais de 280 habitantes e que se dispõe em volta da torre do castelo.

Longroiva
A aldeia de Longroiva

A história deste local perde-se no tempo e foi uma grande surpresa para nós. Pensa-se que naquele local tenha existido uma aldeia fortificada e mais tarde um castelo, que teve um papel importante na reconquista cristã. Longroiva foi assim parte integrante do condado portucalense e mais tarde uma das linhas avançadas do reino de Portugal. Em 1145 este castelo foi doado à ordem dos templários e permaneceu na ordem até à sua extinção. Em 1304 Longroiva recebeu foral do Rei D. Dinis. Daí até aos dias de hoje, Longroiva foi perdendo relevância, mas nunca perdeu interesse e beleza.

Percorremos as ruas desta pequena aldeia, por entre casas de pedra e outras caiadas de branco e subimos as estreitas ruas que nos levaram ao castelo. A vista do topo da aldeia é fantástica e facilmente se percebe a importância do castelo naquela localização. Ao lado do castelo encontra-se também a igreja matriz de Longroiva, cuja a origem é praticamente paralela à do castelo e que se pensa ter tido um papel importante na ordem de Cristo.Esta pequena aldeia de 286 habitantes foi uma verdadeira surpresa para nós! Sentimos-nos parte de uma confluência de história e tradição, de simpatia e de óptima gastronomia. Longroiva é o local certo para revisitar a nossa Portugalidade e para relembrarmos tradições.

Longroiva Hotel Rural & Termal Spa

Longroiva Hotel
Vista da entrada do hotel

Localizado na entrada da aldeia de Longroiva, só podemos dizer que este hotel é uma verdadeira obra prima arquitectónica e acima de tudo, um exemplo de uma simbiose perfeita entre estilos modernos e uma paisagem histórica e rural. Inaugurado em 2016, o Longroiva Hotel Rural & Termal Spa é um hotel de topo sem deixar de ser acessível. Entramos num edifício renovado, de azulejos brilhantes, que representa uma harmonia sublime de cores e de ambientes, ligando o antigo ao actual.

Todo o design interior do hotel é incrível, de linhas direitas e traços modernos, utilizando materiais comuns como a madeira reciclada ou o azulejo de uma forma que não deixará nenhum hóspede indiferente. O conceito do hotel pretende conjugar a experiência termal, que em Longroiva remonta aos tempos romanos, com toda uma oferta de bem estar e de descoberta gastronómica.

Os quartos oferecem uma vista para o sopé da serra e sentimos totalmente a calma deste local, o que nos proporcionou uma experiência muito relaxante. Para além disso, poder acordar e começar o dia numa piscina termal exterior de águas aquecidas enquanto se contempla o vale, é algo que não esqueceremos tão depressa e que realmente marca a experiência neste alojamento. Destacamos também o restaurante do hotel, com preços bastante acessíveis e com uma aposta marcada em produtos locais e regionais de qualidade, mantendo a identidade beirã no prato e oferecendo assim a experiência completa que procurávamos nesta escapadinha no interior do país.

Foi também neste hotel magnífico que pudemos descobrir os vinhos da Quinta Vale D’aldeia, um projecto local que tem tido um crescimento sustentado a cada ano que passa. Pudemos provar o vinho “Foral de Meda”, um vinho tinto com uma sabor muito especial e que adorámos. Tudo aqui é moderno e histórico ao mesmo tempo, disruptivo e tradicional, relaxante e emocionante.

Longroiva é apenas uma aldeia, mas em si tem todo um Portugal que marca e que não deixa ninguém diferente. Foi também aqui que explorámos um país que oferece surpresas como o Longroiva Hotel Rural & Termal Spa, uma viagem moderna por terras cheias de história. Reencontrámos Portugal sem nunca abandonar as verdadeiras origens e tradições do nosso país. É assim que que gostamos de viajar, é assim que idealizamos o nosso país.

Sugerimos

Deixe um comentário